4.2.10

"Embora lave o medo que há do fim, a chuva apaga o fogo que há em mim. Ouço a voz de quem me quer tão bem ... e fico a ver se a chuva a ouvirá também."
Ornatos Violeta.



"A chuva ouve, e faz-se ouvir, a chuva cai para quem quer, e para quem ela quer, a chuva quando chega marca a sua presença. Seja como for e onde for, molha a calça, ensopa a camisa, faz correr, faz querer aquecer. É a chuva que cai para quem quer e ela quiser ..."
João Figueira.